sexta-feira, 5 de agosto de 2016

OS QUATRO VENTOS




Calai-vos ó vento norte
Deixai as aves passar
As aves voam para o sul
E os rios correm para o mar.

Quando eu sei que vem chegando
O dia da minha morte
Será que vem numa ave
Calai-vos ó vento norte.

Quando sigo o meu caminho
Sinto que vou levitar
Calai-vos, os quatro ventos
Deixai as aves passar.

Poderei pintar um dia
As noites todas de azul
Para que as aves de dia
Corressem todo para o sul.

Sempre quando escuto o vento
Me parece um cão a uivar
As aves correm para o sul
E os rios correm para o mar.



Enviar um comentário

Publicação em destaque

CONTEMPLAÇÃO

CONTEMPLAÇÃO Saltei, brinquei, sorri e chorei Senti o vento por mim a passar. Vi os vaga-lumes no escuro a brilhar. Vi as ma...