quarta-feira, 13 de julho de 2016

Na praia dos meus sonhos






Na praia deserta
Olhando pró mar
Meus olhos cansados
De tanto esperar

Num barco pequeno
Eu te vi chegar
Tu vinhas de longe
Desse mar sem fim
Vestido de branco
De branco marfim

Eu quase sem forças
Deitada na areia
Estava embevecida
Ao som da serei


Minha boca seca
Com sabor a mar
Queimada do sol
de tanto esperar

Olhando o horizonte
Das ondas sem fim
Hoje de saudades
Recordo de mim

Vivo a recordar
Aquela sereia
Na praia deserta
Deitada na areia

Me deixo embalar
Nesse mar sereno
Para te ver chegar
Num barco pequeno.  

Nina Filipe

Enviar um comentário

Publicação em destaque

CONTEMPLAÇÃO

CONTEMPLAÇÃO Saltei, brinquei, sorri e chorei Senti o vento por mim a passar. Vi os vaga-lumes no escuro a brilhar. Vi as ma...