quarta-feira, 13 de julho de 2016

Anjo perdido







O anjo que desce do espírito
Vem junto a mim
Perguntar-me:
O caminho que conduz as almas
Que andam desgarradas
Nas encruzilhadas de vidas perdidas
Que passam por nós
Tão despercebidamente
Traz o rosto tostado pelo sol
Que queima as areias do deserto!
-Esse deserto!
         Onde deveríamos nós, humildes pecadores
Estar de mãos dadas!
Para procurarmos a paz que está tão longe
Dos corações humanos
Onde brotam balas perdidas
Como se de flores se tratara!
E onde só elas deveriam nascer.
Como saberei eu responder?
Ou encontrar esse caminho
Se até o pobre anjo
Há muito dele se perdeu.

Nina Filipe.

2 comentários:

Nina Filipe disse...


Para começar este blog tem uma entrada linda, gostei muito, quanto ao poema, está espectacular como todos os outros que tens feito, parabéns amiga, agora espero que este blog não desapareça também. Um beijinho grande. em GRITO ABAFADO
Remover conteúdo | Eliminar | Spam
✿MIUÍKA✿
em 28-06-2016

Nina Filipe disse...

Querida amiga Finalmente! Talvez conduzida pelo Anjo, consegui entrar... :) Foi pena per perdido os seus espaços, mas a sua nova casa está muito bonita. Oxalá permaneça de pé. Com os Anjos a protegê-la vai conseguir, com certeza. Gostei muito do seu poema. Paz é o que mais falta no mundo, por isso temos que orar muito por ela. Continuação de boa semana. Beijinhos MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS em ANJO PERDIDO
Remover conteúdo | Eliminar | Spam
Mariazita
em 01-07-2016

Publicação em destaque

CONTEMPLAÇÃO

CONTEMPLAÇÃO Saltei, brinquei, sorri e chorei Senti o vento por mim a passar. Vi os vaga-lumes no escuro a brilhar. Vi as ma...