domingo, 7 de agosto de 2016

NO JOGO NEM SEMPRE SE GANHA

Se vences uma meta, exaltas vitória
abres os braços em sinal de dever cumprido
porém para chegares com a tua glória
esiste sofrimento e um corpo doído.

Se não ganhares nada no jogo da vida
não tens uma medalha que te valha a pena
vais de lado, em lado, de esperança perdida
acabar o jogo de alma serena.

Arranjas desculpas para o que não deu certo
inventas as frases com a tua revolta
caminhas sozinho e aceleras o passo
mesmo que perdido já nada te importa.

não penses que fostes só tu que perdestes 
não há campeões nesta vida inglória
não penses que fostes só tu que ali estivestes
ainda encontrarás a tua vitória.

não vais perceber que um jogo banal
e gritas bem alto onde fracassei 
tens de compreender que a vida é igual
sair derrotado mesmo sendo um rei.

Enviar um comentário

Publicação em destaque

CONTEMPLAÇÃO

CONTEMPLAÇÃO Saltei, brinquei, sorri e chorei Senti o vento por mim a passar. Vi os vaga-lumes no escuro a brilhar. Vi as ma...